22Geração de Manuais de Procedimentos

Documento, normalmente em Word, ou similar, extraído da documentação do processo, que serve como guia para execução do mesmo, normalmente composto por:

–  Representação gráfica do processo
–  Suas condições de início
–  Interfaces com outros processos
–  Os caminhos ou alternativas lógicas durante a execução do processo
–  As atividade, com texto auxiliar em cada atividade ou passo, no diagrama de processos, indicando:

  • O que deve ser feito –
  • Execução instruída passo a passo – regra(s) de negócio envolvida, de forma a servir de manual de como se trabalha, normas, leis, recursos tecnológicos utilizados
  • Input(s)
  • Output(s)
  • Sistema usado para facilitar a execução
  • Papel ou posição do organograma responsável pela execução
  • Área responsável pela execução.

Este documento serve principalmente para:
– Treinamento de novos executores do processo
– Padronização do trabalho – qualidade
– Orientar a execução do processo
– Comprovação de conformidade (interna ou para sistema de qualidade)
– Fonte de informação para desenvolvimento de sistema

Amostra de Manual, textual, emitido a partir da documentação de processos:

06 Recusar recebimento Atividade no Processo
Descrição – Input – Amostra não se enquadra nas condições de recebimento.– Cargo – Conferente

– Descrição/Regra – A amostra é recusada e retorna ao fornecedor com a mesma nota de chegada.

– Sistema – Não tem.

– Output – Recusa da amostra

07 Finalizar recebimento Atividade no Processo
Descrição – Input – Amostra fisicamente recebida.– Cargo – Conferente-

– Descrição/Regra – Efetivar a entrada da amostra no sistema, para os itens da nota que estejam em conformidade, configurando a entrada da amostra na 1&2.  Nos casos de importado, a nota fiscal é a emitida pela 1&2.  Ao lançar a amostra, identifica-se o destinatário e a quantidade por pedido e SKU.   O CQ fica com 1 unidade de cada SKU do pedido e os demais vão para a área de compras, exceto quando há caso de entrega de uma única peça, no qual o supervisor decide se a peça fica com CQ ou segue para Compras.  Nos casos onde há bandeiras de cores, (complemento da peça, com variação de cores) as mesmas são enviadas para compras. As bandeiras devem ser registradas no sistema, vinculadas a uma peça principal.  Notas fiscais que chegarem até às 13h00min são lançadas com a data do dia. Após este horário são lançadas com a data do dia útil seguinte.  Se fisicamente chegaram menos peças do que o constante na NF, será dada entrada fiscal somente na quantidade física recebida e solicitada geração de nota de débito, que é um tipo de carta de correção, emitida pelo fornecedor – emissor da NF.  Se fisicamente chegaram mais peças do que o constante na NF, será dada entrada fiscal no constante da NF e solicitada nota de crédito a ser emitida pelo fornecedor – (emissor da NF), que é um tipo de carta de correção. Outra possibilidade é a devolução da peça excedente, sem NF de devolução, visto que a mesma veio sem NF.

– Sistema – IN63LOG21

– Output – Entrada da amostra configurada na 1&2

Para geração do conteúdo para o Manual de Procedimentos, consulte Mapeamento AS IS, ou Mapeamento TO BE.

Cordialmente,

Pedro Osorio Souza Mello   ./

Fique à vontade para me contatar:    pepontomello@gmail.com                                                                      Abril – 2015

Anúncios

Sobre Pedro Osorio Souza Mello
Olá! Sou Pedro Osorio Souza Mello, responsável técnico por um grande volume de projetos - que envolvem Processos de Negócio - pela empresa Memora – Processos Inovadores. Já passei por vários papéis no ciclo de vida de BPM, nos meus mais de 15 anos dedicados a esse segmento de trabalho. Sou o responsável pela execução e entrega dos projetos e sempre que possível, participo também da execução, o que me traz bastante alegria e conforto. Tenho uma ligação muito especial com o tema “treinamento”, o que me levou a ser também Professor – em disciplinas ligadas à Gestão de Processos”, na FIAP – Faculdade de Informática e Administração de São Paulo, nos cursos de: •Gestão de Processos de Negocio •Arquiteturas Corporativas de TI •Arquitetura de Soluções •Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA) •MBA em Sistemas de Gestão Empresarial – ERP – SAP (O fato de BPM estar entre as disciplinas destes cursos é uma prova eloquente do valor do tema nos dias atuais e a relevância que tem entre os assuntos de TI). Prometi a mim mesmo escrever um livro sobre Gestão de Processos de Negócio, todavia com os novos tempos, entendi melhor fazê-lo de uma forma publicável através da rede. Gosto de compartilhar aquilo que já aprendi e receber dicas e conhecimentos de outros colegas que também convivem neste universo. A ideia desse blog é exatamente para isso. Tenho uma convicção forte sobre o potencial de Gestão de Processos - BPM, como mecanismo de melhoria contínua das organizações e sempre que me for possível, quero estar ligado, fazendo, experimentando, pensando e escrevendo sobre o tema e também sobre os vários recursos ligados a ele. Apesar de me utilizar de pesquisas, publico apenas aquilo que faz parte da minha acreditação e convicção. As opiniões expressas são estritamente minhas. Sou grato pela sua visita e espero que outros futuros acessos também ocorram. Cordialmente, Pedro Osorio Souza Mello Abril 2015

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: